Ele me traiu, o que devo fazer

ele me traiu

A infidelidade é uma das grandes causas de separação. Milhares de mulheres dizem coisas como ele me traiu e agora não sei o que fazer. Não é fácil tomar uma decisão após uma traição do marido.

Por isso mesmo, separamos um guia completo sobre o assunto. Descubra como proceder em caso de traição. Além disso, vamos comentar sobre os diferentes tipos de traição dentro do casamento.

O que é traição

No uso comum, a palavra “infidelidade” é associada a casamentos monogâmicos e geralmente descreve a interação sexual secreta de um parceiro com outra pessoa que não seu parceiro.

Ou seja, a traição nada mais é do que o contato do parceiro com outra pessoa que não seja você. E diferente do que muitas pessoas imaginam, existem diferentes formas de traição, que podem ou não incluir o contato sexual.

A traição geralmente se refere a um caso sexual ou violação de um compromisso ou expectativa conjugal. No entanto nem todas as traições, de longa ou curta duração, são consumados sexualmente.

Isso significa que o seu marido pode te trair sem nem mesmo encontrar com outra pessoa. Mandar mensagens para uma mulher, pela internet, com teor sexual, por exemplo, pode ser visto como uma forma de infidelidade.

Da mesma forma, enviar fotos eróticas, receber vídeos e fotos sugestivas, também é uma forma de traição. Apesar de não envolver o sexo, pode ser tão nociva quanto, por violar a confiança que existia dentro da relação.

Por isso, muitas mulheres se perguntam ele me traiu se ele apenas conversou com outra mulher? A resposta é sim! Mostraremos ao longo desse artigo os diferentes tipos de traição.

Ele me traiu: como a traição acontece

Existem muitas maneiras diferentes de ser infiel, enganar ou trair alguém em um casamento ou união estável.  Por isso mesmo, a palavra traição engloba uma série de ações praticadas por um dos parceiros, que sejam violações ao dever de fidelidade.

Dentro dos relacionamentos monogâmicos, uma das principais regras diz respeito ao número de parceiros. A regra é simples: o casal não pode ter relações externas, nem sexuais, nem sentimentais, nem afetivas.

Logo, depois do casamento o dever de fidelidade é considerado absoluto. Não existem exceções, a menos que o casal discuta o assunto e seja algo de comum acordo. Mas se você não concordou com isso, o seu marido estará praticando a traição.

Se você está dizendo ele me traiu é porque já descobriu um caso fora da relação. Então, o melhor é buscar uma maneira de resolver essa situação. Você terá basicamente duas alternativas. Uma delas é deixar o seu marido e outra é perdoar a traição.

O que acontece quando a traição é descoberta

A grande maioria dos casais espera por fidelidade dentro da relação, especialmente quando se trata de uma relação monogâmica. É por isso que a descoberta de um caso muitas vezes leva a uma reação muito forte do parceiro que foi traído.

A dor psicológica da fidelidade e da sua descoberta geralmente gera uma poderosa reação negativa. Por isso, nos primeiros momentos as reações podem ser até mesmo irracionais. Você fará coisas que nunca fez na vida, como gritar, discutir e até quebrar coisas.

Quando a infidelidade é descoberta o parceiro machucado geralmente fica indignado, emocionalmente desestabilizado e em crise. O mundo parece virar do avesso e tudo se transforma.

Afinal de contas, você confiava no seu marido e tinha esperança de que isso nunca iria acontecer. Apesar disso, aqui está você, chorando por saber que ele preferiu encontrar-se com outra pessoa e que você não é mais suficiente.

Esse trauma pode ser muito doloroso para a mulher. A sensação de ser traído pode até mesmo criar feridas que permanecem durante toda a vida. Algumas mulheres são incapazes de perdoar a traição, em razão da dor que elas sentem.

Ele me traiu: como o marido reage após a traição

Quando o caso é descoberto, o parceiro infiel geralmente minimiza o impacto do seu comportamento. É comum que o marido invente desculpas, prometa que isso nunca acontecerá outra vez, que foi apenas um erro e que está arrependido.

Se você descobriu o caso do seu marido, provavelmente escutou muitas coisas parecidas com isso. Porém, por mais que os maridos insistam que foi apenas um erro, na maioria das vezes eles não estão dispostos a mudar de comportamento.

Como lidar com a traição na prática

A grande questão após uma traição é saber o que fazer a respeito. Se você diz ele me traiu, então você já está ciente do caso extraconjugal ou pelo menos desconfia de que pode estar acontecendo alguma coisa.

Então você deverá tomar uma decisão em breve, que afetará completamente a sua vida daqui para frente. São dois os caminhos possíveis: ou você perdoa e segue com o seu marido ou você começa uma vida nova.

E se você está buscando por uma resposta perfeita, não encontrará. Afinal de contas, apenas você sabe o que fazer, se vale a pena lutar ou se já é o momento para desistir. O que podemos fazer é te orientar durante esse processo.

Perdoando o seu marido

Muitas mulheres escolhem perdoar o marido após a traição. Essa é uma das opções possíveis, que tem como consequência a continuidade da relação. Porém, esse caminho deve ser escolhido com muita sabedoria.

Afinal de contas, nem sempre é possível garantir que o seu marido não voltará a te trair no futuro. Alguns podem dizer que nunca mais farão isso, mas aproveitam a primeira oportunidade para continuar a traição.

No entanto, se você escolher realmente perdoar o seu marido, faça isso a partir de uma conversa séria. Não perdoe simplesmente, como se nada tivesse acontecido. Defina as regras que serão seguidas a partir dali e seja coerente com a sua decisão.

Depois de perdoar, a vida seguirá normalmente, apesar de que a sua confiança já não será a mesma. Caberá ao seu marido demonstrar que

Pedindo a separação

Se você pensa que não é capaz de perdoar o seu marido, o melhor caminho é pedir a separação. Isso vale também para os casos em que a traição não é o primeiro erro cometido pelo seu marido.

Pode ser que ele já tenha cometido a traição antes e você perdoou, pensando que ele iria mudar. Porém, vale a pena destacar que você não precisa esperar por uma segunda vez para terminar a relação.

Por isso mesmo, se você sente que a traição é algo que não pode ser esquecido ou perdoado, peça o divórcio. Essa é a melhor maneira para estar em paz com você mesma e conseguir viver a sua vida com tranquilidade.

Ou seja, se você diz que ele me traiu e isso é algo que para você é inaceitável, o melhor é pensar a sua vida sozinha, sem ele.

Ele me traiu: o que fazer agora

Existem algumas medidas que devem ser tomadas após uma traição. Se você diz que ele me traiu, pode significar que ele teve relações amorosas, sexuais ou não, com outra pessoa. E isso significa muito.

Nós sabemos que os assuntos do coração são os que falam mais alto nesses momentos. Mas existem alguns detalhes que devem ser levados em consideração.

Por exemplo, se o seu marido teve sexo com outra mulher e depois se deitou com você, não existe garantia de que você não tenha agora uma doença sexualmente transmissível.

Claro que você não deve se desesperar com essa possibilidade. No entanto o melhor a se fazer é investigar para ter a certeza de que a traição não trouxe mais problemas para a sua vida.

Por isso separamos abaixo uma relação de procedimentos que você deve tomar após descobrir a traição do seu marido.

Faça o teste de doenças sexualmente transmissíveis

Homens e mulheres que praticam infidelidade sexual geralmente são descuidados com relação ao sexo seguro. Assim que você descobrir que seu parceiro foi sexualmente infiel, você deve visitar seu médico, explicando a situação e solicitando exames para doenças sexualmente transmissíveis.

Investigue seus direitos legais

Mesmo que você não tenha a intenção de se separar do seu marido em razão da traição, vale a pena buscar saber os seus direitos. Isso porque planejar ficar juntos não significa que você irá ficar com ele.

Os cônjuges traídos devem sempre buscar seus direitos em uma separação em potencial, incluindo preocupações financeiras e de propriedade e questões relacionadas aos filhos, como guarda e pensão.

Procure ajuda de outras pessoas

Lidar com a infidelidade requer um nível de apoio emocional que está além da experiência de vida da maioria das pessoas. A única maneira saudável de lidar com isso é procurar assistência de pessoas que entendem o que você está passando.

Isso significa que você deve se apoiar em terapeutas, grupos de apoio, família e amigos que já passaram por uma situação como essa. Se você decidir permanecer no relacionamento ou não, vai precisar de muito amor e apoio.

Confie em seus sentimentos e observações

Se você não se sentir seguro com seu parceiro, confie na sua intuição. Isso vale para você que está em dúvida sobre terminar o casamento ou perdoar o seu marido para tentar reatar a relação.

Se o seu coração está pedindo para você terminar, não deixe de fazer isso. O coração raramente se engana. Talvez você esteja com medo de jogar fora todos os meses ou anos de casamento.

Mas tenha em mente que o seu marido foi o primeiro a jogar tudo fora quando decidiu te abandonar e procurar por satisfação fora do casamento. Então a sua opção de terminar o casamento é muito justa e compreensível.

Faça terapia se quiser reatar as coisas

Se você diz que ele me traiu, mas mesmo assim quer continuar na relação, uma boa ideia é fazer terapia de casal. Dessa forma é possível mostrar que você está disposta a seguir, mas apenas se existir mudança por parte do seu marido.

Na terapia você pode solicitar e receber toda uma explicação sobre a infidelidade. Se você é como a maioria dos cônjuges traídos e não deseja mais segredos em seu relacionamento, essa é a melhor opção.

Faça com que o seu marido comente sobre os motivos que o levaram a trair. Esse pode ser um bom momento para entender o que aconteceu e verificar o que pode ser feito para que as coisas mudem.

Ele me traiu: coloque-se em primeiro lugar sempre

Acima falamos sobre como lidar com a traição. Se você diz que ele me traiu, pode ver que as opções são muitas. Você pode terminar o casamento ou dar uma segunda chance.

Seja como for, sempre se coloque em primeiro lugar. Pense nas suas necessidades, nos seus sentimentos e na sua vida.

Não tente salvar uma relação querendo mudar uma pessoa, pois as pessoas só mudam quando elas realmente querem mudar. Siga essas dicas para conseguir lidar melhor com a traição conjugal.

Deixe uma resposta